12 de maio de 2011

Aqueles jogos de sempre...

por ..bee.. às 12:47
Outro Ator, mesmo jogo, novo cenário.. Mesmo jogo... Mesma eu?

Será que vale à pena? O NOSSO jogo, tão nosso... Tão.. Gato e Rato.. Tão começo de tudo.. Será que eu arrisco? Sei bem como o outro jogo acabou, e as consequências que isso teve para mim. Sinto falta do meu Ator, sabe? O meu.. O amigo que não sabia ser só amigo. Queria que ele dissesse "vai! se joga! Tenta de novo...". Mas também.. Ah, sei lá! Não sei o que eu quero.

Era o NOSSO jogo, não sei se estou pronta para jogar o mesmo jogo.. Com outro.. Mas ao mesmo tempo, a ideia de um novo jogo me atrai profundamente e chega a ser mais forte do que eu. Só está começando. Os papéis foram distribuídos, o cenário montado... O primeiro contato feito como que por acaso, só para testar.. A química foi instantânea! Pude ver nos olhos do Novo Ator a mesma paixão pelo palco, o mesmo conforto em cena...

Continuar o jogo? Será que eu vou saber lidar de uma maneira diferente? Dessa vez não existe a distância para salvar quando eu esquecer a fala, ou quando ele improvisar.. Mas ao mesmo tempo, acho que não mais a mesma jogadora de antes...

Nesse momento, sou dona de todas as inseguranças, de todas as dúvidas do mundo e de um sorriso bobo sem tamanho no rosto... Seja pelas saudades do antigo jogo, seja pelo começo do novo... Que seja!

2 gritos de felicidade:

Ivan on sábado, 14 maio, 2011 disse...

Todo jogo é perigoso... mas vc me parece uma jogadora das boas... bom jogo!

Anônimo disse...

Sorrisos, são sorrisos. Frutos de uma alegria atemporal, seja lembrancas, presente ou expectativas... Sorrisos é bom não é?

-Rato. (O Único)

 

beah.volgari Copyright © 2012 Design by Giulia Azevedo Vintage Mustache